Do meu canto

Do meu canto irei opinar, comentar, desabafar, laurear, destacar ou... simplesmente escrever. Este blog servirá para fazer chegar ao Mundo a minha voz, vinda do meu canto. É um blog de mim, para mim e para outros...

A minha fotografia
Nome:
Localização: Portugal

domingo, junho 26, 2005

Biba o S. Juoum!!!


Image Hosted by ImageShack.us

Sair do trabalho e começar a gozar o fim-de-semana prolongado…
Passar a noite mais carismática da minha cidade com o meu amor…
Conhecer a “Tribo” e divertir-me com ela…
Image Hosted by ImageShack.us


Image Hosted by ImageShack.us

Image Hosted by ImageShack.us

Dormir no bem bom…

Ah, the good life!
Image Hosted by ImageShack.us

terça-feira, junho 21, 2005

Xweets fo ma xweet

Inspirado na música original dos The Searchers - "Sweets for my sweet" aqui fica a letra como deveria ser:

Xweets fo ma xweet, xuga fo ma honey
Yo fisxt xweet kisx thrilled me xo
Xweets fo ma xweet, xuga fo ma honey
I'll neva eva let yu go
s
If yu wanted that xtar that xhines xo brightly
To matx the stadusxt in yo eye
Daling, I would xase that bight xtar nightly
And tra to xteal it from the xky
And I would buing
s
Xweets fo ma xweet, xuga fo ma honey
Yo fisxt xweet kisx thrilled me xo
Xweets fo ma xweet, xuga fo ma honey
I'll neva eva let yu go
s
If yu wanted a king to keep yu xmilin'
I'd tell the xandman yu were blue
And I'd asxk him to keep that xand a-pilin'
Until yo dreamx had all come true
And I would buing
s
Xweets fo ma xweet, xuga fo ma honey
Yo fisxt xweet kisx thrilled me xo
Xweets fo ma xweet, xuga fo ma honey
I'll neva eva let yu go
s
And if yu wanted a love to lasxt foeva
Dalin' I would xend my love yo way
And ma love'd not only lasxt foeva
But foeva and a day
And I would buing
s
Xweets fo ma xweet, xuga fo ma honey
Yo fisxt xweet kisx thrilled me xo
Xweets fo ma xweet, xuga fo ma honey
I'll neva eva let yu go

sábado, junho 18, 2005

Thank God it’s Friday…

E que rica sexta-feira que foi. Daqueles dias em que (quase) tudo corre bem.
Depois de uma semana com altos e baixos, em que trabalhei que me fartei… chegou o último dia da semana… bom tempo, boas notícias, shopping around, almoço e jantar tão agradáveis, gelados, filmes enroscado no sofá e aquela companhia especial da pessoa que amamos… soa bem, não é? Pois é, foi assim… a minha passada sexta-feira.

Sou feliz, sinto-me pleno. :D

segunda-feira, junho 13, 2005

“Amor e árvores”

Image Hosted by ImageShack.us

Este fim-de-semana passado foi simplesmente maravilhoso, divinal. Sem dúvida que foi um dos melhores da minha vida. Fui, aliás sou, verdadeiramente feliz!
Com o amor da minha vida a meu lado... rodeado de natureza... reclusão do resto do Mundo... paz, tranquilidade... felicidade!

Quero mais fins-de-semana assim... sei que os terei.

Beijo tão, tão especial para ti. Amo-te perdidamente...

quarta-feira, junho 08, 2005

Consciência

Por vezes tenho atitudes e/ou comportamentos que não gosto, porque são errados, indevidos ou simplesmente porque revelam uma maneira de ser e de estar que não quero ter. Quando tal acontece e me apercebo do que fiz fico logo com um enorme peso na consciência e triste e chateado comigo próprio. Fico ainda pior, muito pior, quando acontece com alguém de quem gosto. Só que eu também sou muito orgulhoso e portanto tenho dificuldades em admitir às outras pessoas que errei, custa-me fazê-lo. É nestas situações que agradeço ter uma consciência tão “activa”, porque é devido a ela, que eu me forço a admitir perante outros que errei. É como se ela me dissesse: “Ó pá, ó Zé, o que fizeste não foi nada bonito e o melhor é tu pedires desculpa ou eu lixo-te a cabeça de tal modo que não consegues fazer mais nada! Zé, fizeste borrada e agora tens de te penitenciar, eu sei que te custa, mas tem de ser! Vá, vá lá, do the right thing!” E eu faço.

Espero que a minha consciência nunca mude, nunca pare de me chatear, porque ela ajuda-me a ser uma pessoa melhor e a mudar as coisas que não gosto em mim.
s
E peço desculpa, aqui em público, a todos os que já tiveram de “levar” com estas atitudes.

segunda-feira, junho 06, 2005

Saborear a vida

Muito recentemente, tomei uma importante decisão em relação à minha vida. Esta decisão tem um impacto profundo imediato na minha vida e muito provavelmente a longo prazo também. Não foi uma decisão para se tomar de ânimo leve, mas estou plenamente confiante que foi a opção correcta. Sei-o porque sinto-me mesmo confortável com ela, sinto-me descontraído, foi como se saísse um peso das minhas costas e tenho mais uma razão para sorrir.
Tenho de aprender a não me preocupar tanto, não posso querer viver rápido demais...

Os planos de vida que tenho existem somente para que possa atingir o derradeiro fim: ser feliz! De que servem os planos se nos prendem ao que já não queremos? Se nos coloca tal peso em cima que nos retira a alegria? Para isso não quero planos ou, pelo menos, esses planos. Como disse John Lennon, numa citação que ouvi recentemente, “Life is what happens while you're busy making plans.”. Claro que devemos ter sonhos e planos ou caminhos traçados para os atingir, mas estes têm que nos permitir viver a vida, caso contrário chegamos ao fim e compreendemos que passamos a nossa vida a cumprir objectivos e programas, mas que não vivemos.

Por isto tudo, agora vou simplesmente procurar saborear a vida de privilegiado que tenho: uma família 5 estrelas, bons amigos, um trabalho de que gosto e... a mulher da minha vida a meu lado.

quarta-feira, junho 01, 2005

Um quarto de século de vida

Image Hosted by ImageShack.us


Os anos foram passando e os presentes deixaram de ter tanto significado, hoje em dia, o que é mais importante para mim, no meu aniversário, é estar com quem gosto e com quem me sinto bem. E por isso mesmo este ano é diferente, é especial… neste meu 25º aniversário tenho a meu lado a Mariana, a mulher que amo mais que tudo, com quem quero construir um futuro a dois e que apenas entrou na minha vida há pouco mais de 6 meses. Ela faz-me feliz e pela primeira vez na minha vida sinto-me completo, sinto-me pleno.
Neste aniversário não quero presentes, porque já tenho o que um homem mais pode desejar: a mulher da sua vida.

Mariana, meu amor, és o melhor que aconteceu em toda a minha vida, és Linda, amo-te perdidamente…