Do meu canto

Do meu canto irei opinar, comentar, desabafar, laurear, destacar ou... simplesmente escrever. Este blog servirá para fazer chegar ao Mundo a minha voz, vinda do meu canto. É um blog de mim, para mim e para outros...

A minha fotografia
Nome:
Localização: Portugal

terça-feira, agosto 30, 2005

Que trabalheira!

Estou quase a assinar o contrato de arrendamento e ando aqui com papelada para trás e para a frente.
Isto de mudar de habitação é uma trabalheira!!

- Ler, reler e... voltar a ler outra vez o contrato de arrendamento, fazendo todos os ajustamentos necessários.
- Telefonar para o INH por causa do IAJ (quem não percebeu leia a nota no fim ;) ).
- Falar com o senhorio (que é uma pessoa conhecida e por isso torna tudo mais simples).
- Ler parte do RAU e outras coisas do género.
- Informar-me sobre a colocação de água, luz e gás na casa.
- Informar-me sobre outras coisas pequenas como ter TV e Internet.
- Pensar em mobília e afins e, como não se nada em dinheiro, procurar os sítios com promoções e onde as coisas são mais baratas.
...
- Pensar em todos os restantes pormenores que nos podem falhar e etc...

Mesmo com todo este trabalho estou excitadíssimo com a mudança! Mal posso esperar!


INH – Instituto Nacional de Habitação
IAJ – Incentivo de Arrendamento por Jovens
RAU – Regime de Arrendamento Urbano

terça-feira, agosto 23, 2005

Leituras e o Efeito Bookcrossing

No dia 22 de Março do ano passado tornei-me membro do "Bookcrossing", “clube de livros” da Internet que incentiva a leitura e partilha de livros, e foi das melhores decisões dos últimos anos.

Afinal de contas foi num encontro de Bookcrossers (é assim que são chamados os seus membros) que conheci a minha Linda Bruxinha. Sobre ela e sobre o modo como estou loucamente apaixonado por ela nem vale a pena escrever mais neste post, basta ver a quantidade de posts anteriores dedicados a ela.

Neste momento, gostaria de me centrar no efeito que o BC teve nos meus hábitos de leitura.
Sempre gostei de ler, quando era pequenino tinha montes de livros do Asterix, do Tintim, do Alix e muitos e muitos outros. Depois já mais crescidinho li a colecção toda da Triângulo Jota (a minha preferida), Uma Aventura e outras assim do género.
No entanto, creio que foi naquela fase entre os 15 e os 18 anos que surgiu uma “ruptura” entre mim e os livros. Esta pode ter acontecido, porque estava demasiado ocupado a jogar futsal ou porque quando os livros Uma Aventura deixaram de ter tanto interesse não foram devidamente substituídos ou até por puro desinteresse. A verdade é que passei a ler muito menos e julgo que durante os meus anos de faculdade devo ter lido cerca de 2 ou 3 livros por ano, se tanto.
Tudo isto mudou com a minha entrada no Bookcrossing. Lembro-me que fiquei maravilhado quando no primeiro encontro que fui (ainda nem era membro) vi que afinal sempre havia portugueses que liam, devoravam livros (afinal não era só o meu pai e os seus poucos milhares de livros). Mais admirado fiquei ao saber que eram pessoas perfeitamente normais, isto é, não eram “weirdos” ;) ou algo assim do género. Eram simplesmente pessoas que tinham prazer em ler. E eu fui contagiado com essa vontade de querer ler. Fui para casa com uma vontade enorme de pegar em livros e ainda hoje esse vontade persiste.
No ano de 2004 (1º ano como BC), li, se não me engano, 8 livros, mais que nos 3, 4 anos anteriores somados. O BC também me permitiu descobrir outros estilos e autores de qualidade, visto que esse era um dos meus problemas, era limitado em termos de gostos, porque conhecia pouco e não me aventurava em outras leituras. Com o BC tive oportunidade de ler criticas de leitores como eu, recebi sugestões e conselhos que me foram muito úteis e agora já experimentei muita coisa nova, mas, mais importante, é que quero conhecer e ler muito mais ainda. Obrigado comunidade BC!

Neste ano, já li 9 livros e 2 livros de cartoons (recomendo vivamente o "Baby Blues") e ainda vou ler mais uns quantos. Neste momento, estou a ler o Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban e posso dizer que já sou mais um fã do pequeno feiticeiro.
Também nisto, muito me tem ajudado a minha Bruxinha, que exige sempre mais e mais de mim, ajudando-me a tornar uma pessoa melhor, mais culta e mais interessada por assuntos que não sejam gestão/finanças, futebol e “chiclit para gajos”. Lol Por exemplo, foi ela que me incentivou a ler o HP e o primeiro livro de poesia que me atrevi a pegar por iniciativa própria, isto é, que não tenha sido uma ordem de uma professora. Também para ti, meu amor, Obrigado!

sexta-feira, agosto 19, 2005

I want to kiss you...

For a very special girl, who has worked so hard:

“I think you’re gorgeous... I want to kiss you... I want to hug you... I want to love you... I want to smooch you... I want to hug you.” (told with a really sappy voice)

(Adapted from the movie Miss Congeniality – 2000)

terça-feira, agosto 09, 2005

"I feel happy!"

"I feel happy
Oh so happy
I feel happy, and sappy, and... "

-- Geoff Miller

'Cause I love You!

segunda-feira, agosto 08, 2005

Quem quer tachos e panelas??

Este é um post para ver se animo um pouco depois do escrevi antes...

Em princípio, hoje ao almoço, vou comprar um Wok, uma Frigideira e um Grelhador no Pingo Doce aqui ao lado. Estes produtos, da marca Celar e que estão com uma promoção de 50%, serão apenas a segunda compra para a nossa casa (minha e da Linda, Linda Bruxinha) após a compra de um móvel muito bonito para a nossa casa-de-banho que pareceu ter sido feito à medida para nós.

Estou tão contenti por este passo de gigante! Weeeeee!

Arouca

Este post devia ter sido escrito na semana passada, mas por diversas razões decidi não o fazer...

Desde bebé que vou à Arouca, passava lá grande parte dos verões, tenho imensas recordações daquela linda terra e, hoje em dia, passo lá o final do ano, ao lado da minha família, e vou visitar, umas quantas vezes ao ano, tios, primos, familiares...
Infelizmente, Arouca, terra da minha Mãe, da minha família materna, foi, na semana passada, flagelada pelos fogos. Metade da sua área florestal ardeu em 48 horas...
Na passada quinta-feira, dia 4 de Agosto, as temperaturas atingiam os máximos do ano de Norte a Sul do país, era de dia e, em Arouca, os carros circulavam de luzes acesas, porque a nuvem de fumo cobria o céu de negro... Os olhos das pessoas choravam devido ao fumo e choravam de dor, por verem a sua terra a arder. Foram momentos de aflição e profunda tristeza.

No entanto, como disse no post da minha Linda Bruxinha, é preciso levantar a cabeça. Ninguém perdeu a vida, conseguiram salvar-se as casas (graças ao enorme esforço dos bombeiros e populares, os verdadeiros heróis nestas horas) e Arouca voltará, um dia destes, a ser linda como sempre foi.

quinta-feira, agosto 04, 2005

Fim-de-semana... no céu.

Relaxar, dormir bem, nada de horários, nada de pressões...
Tempo para conversar, para tomar banhos no rio, adormecer tranquilamente ao som do rio...
Enfim... saborear a vida e o mais belo que ela tem.

O fim-de-semana foi assim tão bom que até meti a segunda-feira de férias para gozar durante mais um diazinho.
Custou tanto vir embora... mas teve de ser. Muitos mais fins-de-semana como este virão, fins-de-semana de puro deleite.

Obrigado meu amor, pelo convite, companhia e por tornares tudo tão bom.